RADIO SABORES DA SERRA

30 de agosto de 2013

Valério rouba a cena em sessão que ressuscitou o programa "Notas e Avisos" da Rádio Rural

Na sessão da câmara tem de tudo. Se não bastasse alguns requerimentos absurdos e discursos sem sentido, agora tem vereador mandando os parabéns para os aniversariantes do mês. É o programa Notas e Avisos da Rádio Rural, é? O vereador Valério se danou com essa história. Ele disse que a população está invadindo as câmaras municipais pelo Brasil devido a fatos como o que estão ocorrendo em Upanema, ou seja, não estão realizando um trabalho sério em benefício do povo, mas somente puxando o saco do prefeito ou de eleitores. “Era bom que invadissem aqui e não deixassem ninguém falar enquanto não levasse a sério o papel do vereador, com apresentação de propostas, discussão de projetos e não de bajulação”, disse. Ele continuou falando da incrível quantidade de títulos de cidadão upanemense que a câmara vai conceder nas festividades de emancipação. “É uma vergonha essa casa conceder 64 títulos de cidadão, quando sabemos que a maioria não merece, é só pra fazer média e tentar agradar a famílias pensando no voto delas na próxima eleição”, enfatizou. Imediatamente repreendido pelo presidente da casa, vereador Carlinho Garcia. “São 52 homenageados senhor vereador”, retrucou. Valério saiu-se com essa: nem se fosse 5,2 eu concordaria. Kkkkkkkkk. E não parou por aí. Valério se recusou a aprovar um título de honra ao mérito para o prefeito Luiz Jairo. Quando o projeto foi colocado em votação Valério disse: voto contra senhor presidente. Quando ele (Luiz Jairo) assumir e mostrar seu trabalho, posso dar um título a ele. Vamos aguardar ele assumir primeiro.


O restante do debate foi para discutir uma audiência pública com o gerente do BB para falar sobre o caixa eletrônico. Não vou perder meu tempo falando sobre esse assunto pois é perda de tempo.

Utilidade Pública

O blog do Anax ás vezes pega no pé da atual administração, mas na maioria das vezes eu só faço ajudar. É sério! Se não vejamos:

Tem muita coisa errada feita nessa administração, que em sua maioria deve-se a inexperiência e incompetência de alguns. Não imagino que seja por má fé ou desonestidade. Mas, a falta de informação ou a informação errada dá margem para pensarmos o que quiser. Por isso, nosso trabalho de cobrar a informação correta, completa, para que não haja dúvidas. Vou ajudar novamente o prefeito. Quer ver?

Foi publicado no Diário Oficial dos Municípios de hoje, uma ADJUDICAÇÃO ltima fase do processo de licitação, ficando a prefeitura obrigada a contratar exclusivamente com esta empresa) referente a CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA TEMPORÁRIA PARA ATENDER AS NECESSIDADES DESTA ADMINISTRAÇÃO. Nada de anormal, a não ser a falta de algumas informações que eu tenho certeza, talvez não caibam numa publicação no Diário Oficial, mas que infelizmente nunca consta nas matérias publicadas pela imprensa da PMU. Por exemplo: esse contrato começa quando e termina quando? Vai fazer o quê mesmo essa empresa? De onde é que ela é? Tem experiência e legalmente está apta para executar tal função? Os recursos para o pagamento da empresa são de que origem?

São informações que deixariam todo mundo satisfeito e não deixaria margem para desconfianças. Eu, como quero ajudar a atual administração fui atrás e descobri algumas coisas que deveriam constar nas matérias enviadas pela assessoria de imprensa.

No site da Secretaria Estadual de Tributação (SET), encontramos dados interessantes como os nomes dos sócios, tempo de atividade comercial e atividade econômica principal e secundária. Uma das empresas ganhadoras de mais de 2,5 milhões apresenta início da atividade econômica agora em junho, ou seja, em menos de dois meses de atividade a empresa já ganhou duas licitações milionárias da PMU. Outra licitação adjudicada contrata empresa especializada para prestação de serviço a PMU. O detalhe é que a empresa contratada não apresenta como atividade principal ou secundária o que a prefeitura esta contratando como especializada. Pode isso Arnaldo?

Pois é, tenho certeza que a assessoria da PMU saberá tirar tais dúvidas para que a população não imagine besteira. Para os leitores apressados que não querem esperar pela assessoria de imprensa da PMU, basta copiar o CNPJ das empresas contratadas pela PMU, entrar no site da SET, na sessão serviços UVT e digitar os dados pedidos. No site da Receita Federal você também pode encontrar informações a respeito das empresas desejadas.

Essa é mais uma utilidade pública do seu blog do Anax.

29 de agosto de 2013

Piso de agentes de saúde será votado assim que pauta for destrancada, diz Henrique Alves


henrique agentesO presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, afirmou ao Plenário e em com deputados e líderes dos agentes de saúde, que o piso nacional dos agentes comunitários de saúde (Projeto de Lei 7495/06) será votado assim que a pauta for destrancada. “A votação só pode ocorrer após a apreciação da proposta do Código da Mineração enviado á Câmara pelo poder Executivo com pedido urgência constitucional”, explicou o presidente. A matéria do piso dos agentes de saúde foi relatada pela deputada Fátima Bezerra.

Em reunião no dia 14 com agentes de saúde e o ministro Alexandre Padilha, Henrique Eduardo Alves havia pautado a proposta para a próxima terça-feira (3). No entanto, a votação não será possível por causa do trancamento da pauta. “Fizemos o compromisso de pautar, mas a pauta está trancada, não podemos cumprir. Na hora que a pauta for restabelecida, vamos votar”, assegurou.
FONTE: Blog do Xerife

Problema com o caixa será mostrado pela imprensa estadual

Sabe aquele caixa eletrônico que vive quebrado? Continua do mesmo jeito e virou algo normal em nossa cidade. Já que ninguém faz nada, vou fazer minha parte mais uma vez denunciando a “severgonhice” do Banco do Brasil com os clientes de Upanema. Depois de denunciar várias vezes em nosso blog, inclusive gerando problemas para minha saúde, denunciado ao Banco Central e cobrando das “otoridades” locais, vou me reportar a imprensa estadual dessa vez, para mostrar a situação revoltante que passa o nosso povo.

Estou agendando com a imprensa estadual uma forma de causar impacto com a presença da nossa população em frente ao caixa. Maiores detalhes em breve.


Lembrando que faço isso de graça, sem nenhum interesse eleitoral, até mesmo porque não sou filiado a partido político. Trata-se de um dever como cidadão, lutando pelos meus direitos. Se ficarmos só pedindo aos responsáveis e não tirarmos o traseiro da cadeira, nunca ouvirão nosso clamor. É simples!

Conquista de quê?

Dois itens importantes que devemos tratar com muita seriedade e atenção quando fazemos um evento comemorativo no município são: o slogan e a logomarca. Nos 60 anos de Upanema, parece que a prefeitura destinou essa incumbência para amadores e metidos a marketeiros.

A logomarca não diz nada com nada, a não ser se parecer com a logo do PR, partido do prefeito. As cores (vermelho e azul) só fazem me lembrar a tradicional cor dos bicudos e a cor da última campanha do prefeito. Ridícula! Mas, aí é questão de gosto. Normal.


O slogan é: uma história de conquistas! Correto? Pois bem. Não vejo problemas, até gosto do slogan, de verdade. Mas, quando vamos para o “Baile da Conquista”, “Cavalgada da Conquista”, “Corrida da Conquista” aí eu pergunto: conquista de quê? Não seria uma forma alusiva a conquista da prefeitura por parte dos bicudos não, né? Claro que não Anaximandro, você tem uma mente muito maldosa... Devo ter mesmo, por isso não disse nada ainda. Mas, não sou só eu que está com essa dúvida, principalmente depois que algumas pessoas me disseram que babões ligados a atual administração fazem questão de dizer que realmente é a conquista da prefeitura por eles. Vou esperar uma explicação OFICIAL com argumentos que me convençam e convença a todos, pois não sei se vocês sabem, a festa é de Upanema e as conquistas do município foram conseguidas através da luta do povo e não de facções políticas. 

Sei que será fácil explicar, pois já tenho na ponta da língua essas explicações que vão dar. Agora, a intenção dessa matéria é mostrar que em oito anos, não víamos esse tipo de comportamento por parte do grupo que estava no poder. Participei e via o quanto se trabalhava para não passar uma imagem de festa política e sim de todos. Tenho prova com homenageados e participação de todos. Vamos esquecer a campanha minha gente. 

28 de agosto de 2013

Mais uma da administração vida digna para alguns

A campanha de multivacinação realizada no último sábado em todo o Brasil e que praticamente não foi divulgada aqui em Upanema, teve mais um sério problema em nosso município, segundo nos contou uma fonte. A campanha como o próprio nome diz é de multivacinação, portanto não era específica para determinado tipo de vacina e sim de todas as vacinas. Os pais deveriam levar a caderneta de vacinas e caso faltasse alguma, imediatamente seria aplicada na criança. Mas, aqui em Upanema, por incrível que pareça faltaram algumas vacinas. Pode um negócio desses? Pra piorar, na regional em Mossoró tinha as vacinas, mas o problema foi que não pediram as doses. Desse jeito fica fácil fazer oposição ao prefeito, com uma equipe dessas. É uma atrás da outra! 

Como nosso blog tem mais audiência, competência e prestígio que a assessoria de comunicação da PMU, informamos aos pais que não vacinaram seus filho que a campanha continua, só não sabemos se vai ter todas as vacinas.

Pacientes da fisioterapia reclamam da falta de transporte

Recebemos uma reclamação de parentes de pessoas que fazem fisioterapia em nossa cidade. A reclamação é sobre a falta de veículo para transportar os pacientes da zona rural e alguns da cidade. Segundo nossa fonte, muitos pacientes não tem condições física nem financeira para se deslocar até o local onde está sendo feita as sessões de fisioterapia. A prefeitura desde a gestão passada e inicialmente nessa gestão, vinha alugando um veículo para transportar esses pacientes, mas de uns tempos para cá esse trabalho parou, prejudicando bastante os pacientes que precisam se utilizar desse tratamento que tem que ser contínuo.


Esperamos que a secretaria de Saúde tome as providências o mais breve possível para resolver o problema desses pacientes. Me avisem quando resolver que eu publico aqui no blog.

Barragem de Umarí ainda apresenta bom volume de água

Depois de um inverno irregular onde quase todos davam como certo uma das maiores secas de nossa história é hora de contabilizar o volume de nossa barragem e ver como ela se apresenta para o próximo inverno. Segundo dados da SEMARH colhidos em 08/08 a barragem de Umarí apresenta-se com 59,89% de sua capacidade, ou seja, 175.357.073(m3).

Considerando que a barragem praticamente não é aproveitada para a agricultura irrigada, é possível concluir que com esse volume consigamos atravessar o final de ano sem maiores preocupações quanto a uma possível seca do reservatório.  

27 de agosto de 2013

Nos 60 anos de Upanema, prefeitura comemora entupindo a fonte dos 50 anos

FONTE FOI CONSTRUÍDA NA GESTÃO JORGE LUIZ
Depois de destruir o morro da entrada de Upanema, mais um monumento da gestão Jorge Luiz foi maculado pela atual administração. Trata-se da fonte do marco dos 50 anos de Upanema, construído também na entrada da cidade. A fonte foi entupida de areia para construção de um canteiro, como outro qualquer. Segundo soubemos, a fonte dava muito trabalho, criava mosquito e mau cheiro. É verdade, quando não cuidamos da água parada causa tudo isso e muito mais. Sinceramente isso é desculpa pra boi dormir. Quer dizer que as fontes de Roma e outras cidades devem ser entupidas, destruídas com a desculpa de que podem gerar mosquito e doenças? Assim fica difícil de engolir. É preciso cuidar minha gente! E não venham com a desculpa que na gestão passada não cuidava. Justamente! Se não cuidava, o povo de Upanema sabe e já demonstrou nas urnas que botou quem não cuidava pra fora pra que vocês que entraram cuidassem. A mudança era pra avançar e não para destruir! 

Merenda só para aliados; Adversário chupe o dedo

O blog do Anax é pioneiro em mostrar as senhoras e senhores leitores as barbaridades cometidas por certas administrações, que além de perpetrar irregularidades absurdas, colocando em dúvida para onde está indo o dinheiro público posam de democráticos, mas na verdade não passam de perseguidores. Vejamos outro exemplo:

Era uma vez uma cidade onde a prefeitura formalizou uma parceria com o Governo Federal para desenvolver um programa de ensino para pessoas que não sabiam ler e escrever. Nessa parceria, cinco monitores participam como instrutores, sendo que dois são aliados declarados do prefeito e três não. Antes do início do programa, um treinamento na cidade de Campo Grande se fez necessário e a prefeitura só cedeu o carro para os dois aliados. Mas, vamos pra frente. O programa começou e os monitores tiravam do salário recebido, dinheiro para a merenda dos alunos. Apesar de estranho, é uma das cláusulas do contrato. A prefeitura é “parceira” com a ajuda em transporte e outras necessidades. Com relação a alimentação dos alunos, a prefeitura não tinha nem tem obrigação de dar a merenda de forma legal. Mas, uma das monitoras representando o grupo, resolveu conversar com o prefeito para pedir que os alunos do programa também recebessem a merenda da rede municipal, como forma de diminuir os gastos dos monitores já que o salário ficava muito pequeno depois de pagar a merenda dos mesmos. O prefeito autorizou e assinou um “bilhete” para que a monitora levasse para a secretária de educação do município. Aí a secretária mandou para a chefa da merenda que, quando viu o bilhete disse que a ordem que tinha era de economizar e não de gastar. Pense! “Mas foi o prefeito que mandou”, retrucou a monitora aliada. “A ordem que eu tenho da irmã dele é essa”, respondeu a chefa. Lá vai a monitora atrás do prefeito de novo. Explica a situação e ele se passa por bonzinho, diz que vai conversar com a chefa da merenda e resolver. Pois bem. Ele conversou e acabou resolvendo mesmo. A merenda só foi destinada para os monitores aliados dele, os outros só ficam sentindo o cheiro da merenda. Quer dizer, os alunos. Quando perguntados sobre a merenda dos outros, os aliados não fazem questão de esconder: “a merenda da prefeitura é só pra quem foi pedir ao prefeito”, respondeu um monitor.

A versão da secretaria de educação do município para o fato, não explica o motivo da discriminação. Inicialmente a informação era de que a prefeitura não estava recebendo recursos para comprar a merenda devido a problemas na prestação de contas da gestão anterior. Mas, isso não justificava a doação da merenda para uns e outros não. “Eles tem que vir pedir”, foi a frase dita. Ora meus amigos, se uma correligionária sofreu a humilhação que sofreu, imagine as adversárias?

São coisas como essas meus caros amigos que nos fazem enojar quando determinados prefeitos vem a público posar de democrático, que sua administração não persegue ninguém e que ele não sabe de nada das coisas erradas que acontecem. Nosso blog sempre estará atento, mesmo sabendo que as autoridades estão inertes ao que acontece de errado nesse município. Talvez eles pensem que esse município seja uma fantasia de nossa cabeça, uma ilusão, mas devido à inércia deles começo a ver que pode ser mesmo.


Como aprendemos com a assessoria de comunicação da PMU, esse blog não citou em nenhum momento nomes ou fez referências a atual administração. Obrigado.

Bebelô reclama das péssimas condições das estradas do município

Nosso amigo Diassis Bezerra o "BEBELÔ", acaba de participar do programa RPC Patrulha com apresentação de Agenor Melo. Diassis ligou para denunciar as péssimas condições das estradas vicinais que ligam a zona rural a sede do município. Segundo Diassis, o problema é mais grave pois tem localidades onde nem mesmo as ambulâncias tem condições de chegar. "O "painel" das ambulâncias arrastam no chão e os veículos ficam atolados e não passam", afirmou Diassis. O repórter do povo também fez questão de dizer que a prefeitura tem máquinas novas para fazer o serviço e cobrou do prefeito e dos vereadores uma solução para o problema. Isso Diassis!

26 de agosto de 2013

Reunião do sindicato foi um "fracasso de público"

Aconteceu hoje pela manhã, uma reunião do SINDSERPUP para discutir a decisão do prefeito Luiz Jairo de só receber o sindicato no dia 1º de outubro. O blog do Anax conversou com um dos participantes da reunião. Segundo nossa fonte, a reunião foi um fracasso, pois só contou com 17 participantes, sendo que desses, 7 eram cargos comissionados ou ganhavam alguma espécie de gratificação da atual gestão. Quando colocado em pauta o que fazer diante da decisão do prefeito, um grupo ligado ao prefeito sugeriu que o sindicato aguardasse e no dia 1º de outubro fizesse uma manifestação em frente a prefeitura. Já outro grupo discordou e sugeriu que a manifestação fosse antes, pois daqui para outubro fica muito longe e o objetivo de empurrar com a barriga fica fortalecido. Diante do impasse, ficou decidido uma nova reunião com a presença de um número maior de associados que deverá ocorrer segunda-feira ás 10:00h na sede do sindicato.

Perguntamos a nossa fonte se era normal essa quantidade pequena de associados numa reunião tão importante. Ele disse que não lembra de outra oportunidade com tão pouca representatividade para um tema como esse. “Ou os associados não acreditam mais nessa direção ou tem muita gente com medo ou vergonha de participar das reuniões e dizer o que pensa”, afirmou a nossa fonte.

Indefinições no cenário político de Upanema

O cenário político de Upanema antes das eleições do próximo ano pouco sinalizam para uma definição dos grupos políticos locais. Em períodos anteriores, ficava bem claro o lado da situação e o lado da oposição. Hoje, ninguém é de ninguém. A situação liderada pelo prefeito Luiz Jairo, sempre teve o grupo no seu comando. Hoje, o grupo é composto de novas facções e o prefeito terá muita dificuldade em unir os mesmos em prol dos seus candidatos a deputado, que estão praticamente definidos, João Maia e Dr. Leonardo para federal e estadual respectivamente. Dr. Leonardo é mais uma invenção do prefeito, que já perdemos a conta dos candidatos que ele já apoiou de forma diferente ao longo desses anos de vida política. De Ricardo Mota a Lauro Maia o prefeito tem bom gosto para deputado estadual, completando agora com Dr. Leonardo. Pense num time. Mas, o prefeito deverá ter o apoio irrestrito dos vereadores Carlos César e Ibinha para esses candidatos. O vereador Ferrari aguarda ainda um posicionamento de Carlos Augusto, esposo da governadora Rosalba, para ver quem ele indicará para federal, já que o vereador tem compromisso com seu partido, o DEM. O vereador Gineton Costa é uma incógnita e ainda precisa de muita conversa para ver quem ele vai apoiar.

Diante desse cenário, os sub-grupos da situação também já definem seus apoios. Citamos o sub-grupo de Nonato Garcia/Carlinho Garcia que deverão apoiar Jácome e provavelmente outro federal que não seja João Maia. Temos também o sub-grupo do vice-prefeito Anízio Jr. que tradicionalmente vota em Sandra e Larissa. Ainda pelos lados da situação, outra grande família que deverá divergir do prefeito quanto a seus candidatos é a família Moura, que sempre deu boas votações para Gilson Moura.

Se o quadro é indefinido pelos lados da situação, imagine pelos lados da oposição. Tirando o grupo de Dorian/Maristela que deverão apoiar Henrique e Walter e contarão com o apoio dos vereadores Valério Augusto e Canindé Rocha, não se sabe ao certo como votarão as outras lideranças oposicionistas. O vereador Monthalggan Fernandes está numa sinuca de bico e provavelmente ficará neutro nessa eleição. O vereador Aisamaque aguarda a definição da deputada Fátima para saber quem o partido deverá indicar para deputados, com uma tendência de apoio a Fernando Mineiro. Manezinho, ex-vice prefeito e filiado ao PMDB não tem situação definida no momento. Pelo que se comenta Manezinho não concorda com a forma que estão conduzindo o PMDB local e o seu apoio aos candidatos do partido está cada vez mais difícil. Se juntariam a Manezinho, uma parte enorme do grupo oposicionista que conta com antigos e novos líderes de emergente expressão política. Os emergentes trabalham nos bastidores e desse grupo poderá surgir uma grande votação para candidatos ainda não definidos. Antes que os leitores me perguntem: e Jorge e Céliton? Pelo que sabemos meus amigos, os dois não votam mais em Upanema, transferiram o voto para Mossoró e a análise que estou fazendo é somente sobre as lideranças locais. A transferência deixa claro que essas lideranças não irão mais participar da vida política local, portanto não tem como fazer uma análise de algo que não vai acontecer.

Analisamos somente os apoios a deputados estadual e federal. Quanto ao senado e ao governo, veremos ter um quadro mais sólido com a deputada Fátima Bezerra tendo uma grande aceitação em ambos os grupos. Podemos ter esquecido alguns grupos, algumas famílias, mas o cenário é mais ou menos esse. É evidente também que política é igual a nuvem, uma hora está de um jeito, outra hora está de outro. Mas, estamos falando de cenário, nada definitivo.


25 de agosto de 2013

Mais uma campanha de vacinação com adivinhação

Dessa vez não foi o blog do Anax quem repercutiu a pequena divulgação em mais uma campanha de vacinação, mas os leitores que notaram. A falta de divulgação, ou quase isso, está virando algo normal nessa administração, pois já abordamos esse assunto em nosso blog, mas pelo visto a nova administração da secretaria não tinha tomado conhecimento que não tinha mais cabimento fazer uma campanha sem divulgar. O carro de som só saiu as ruas para divulgar a campanha ás 10:30h do dia do evento, ou seja, sábado.

Os moradores da zona rural tiveram que adivinhar o que estava acontecendo nos postos, segundo um leitor.


De quem é a culpa, da secretaria de saúde ou da coordenação de comunicação? Dos dois e mais um, o prefeito Luiz Jairo que botou esse povo.

24 de agosto de 2013

Parabéns Cláudia

Hoje é o aniversário da nossa amiga Cláudia Lopes, esposa do ex-vereador e presidente da Câmara Dárcio Régis. Nesse momento a família comemora o grande momento com uma festinha na residência em Sobral - CE, ao lado dos amigos Júlio, Gérson e Lucílio, regada a muita cerveja e picanha. Né fraca não viu Cláudia.

Queríamos desejar muitas felicidades, saúde e realizações, pois temos certeza que você merece, pela excelente pessoa que é. Parabéns.

Ahhh. Tem feijão não?

Sugestões para melhoria na segurança do trânsito

Esta semana estivemos em Guamaré e lá pudemos observar rapidamente a estrutura da Guarda Municipal daquela cidade. Sede própria, bem estruturada, veículo e motos novas. Mas o que mais me chamou a atenção foi uma ação simples e que pode ser copiada aqui em nossa cidade. Todos os dias, nos horários de chegada e saída dos alunos da rede municipal, os guardas municipais levam cones e as motos com giroflex ligados para a frente das escolas. Lá, sinalizam e ajudam a controlar o fluxo de veículos e crianças, desempenhando o papel de guarda de trânsito, evitando que acidentes aconteçam. Simples, custo praticamente zero e que pode evitar acidentes. Minha sugestão vai para a prefeitura utilizar a guarda municipal em frente ao anexo do Maria Gorete, onde recentemente a rua foi asfaltada e motoristas abusam da velocidade, colocando em risco as crianças do colégio.

Outra sugestão vai para a direção da escola evangélica, localizada na Av. 16 de setembro, principal via de acesso da cidade. Já foi utilizado no passado uma espécie de isolamento com cones e um funcionário sem identificação, mas abandonado sem nenhum motivo plausível. Na minha opinião, com o aumento no movimento de veículos depois da BR-110 o correto seria transferir a entrada da escola para a rua atrás do colégio, que praticamente não tem movimento. Dizer que corre mais risco por causa da esquina etc. é sem lógica. Basta estabelecer entrada por um lado da rua, saída por outro. Para isso, faz-se necessário mais uma vez uma pessoa, devidamente identificada com roupa “luminosa” e com apito. Simples.

É hoje


Vereador esclarece afirmação feita na sessão da Câmara e publicada neste blog

O vereador que subscreve essa mensagem vem de forma respeitosa e humilde esclarecer informações que foram publicadas neste meio de comunicação, a qual passaremos a discorrer neste minuto:

   “Vereador, as máquinas estão trabalhando porque esta é uma obra licitada". Sim, cabe explicar que as máquinas citada pelo Edil que usa este espaço, aqui e agora, é PERTENCENTE ao setor privado que porventura prestassem serviços ali no beira-rio, em nenhum momento usando de sua prerrogativa para mencionar as máquinas da frota pública. Onde já se viu, leitores do blog do Anax, implementos públicos sendo objeto de licitação? E o pior, ajudando a executar a finalidade licitatória? Obviamente que essas perguntas são retóricas, dando ensejo ao que nós chamamos de mal-entendido. Devido o calor do debate democrático que se instaurava no plenário, não foi possível ESCLARECER, chegando algumas pessoas, inclusive este nobre blogueiro upanemense a entender de forma deformada/errada.

Sem mais para o momento,

Sr. Ver Ferrari Basilio por meio de sua assessoria.

“Sucede que qualquer interpretação moral dos nossos actos poderá ser unicamente um imenso mal-entendido, tal como o tem sido a interpretação moral dos factos naturais.” ― Friedrich Nietzsche

NOTA DO BLOG: Parabéns vereador, é assim que se deve agir, esclarecendo e estabelecendo uma posição a respeito de temas polêmicos. Realmente o senhor não tinha entendido o que o vereador Canindé tinha dito a respeito das máquinas da prefeitura e por isso o mal-entendido. Tá explicado.

23 de agosto de 2013

Sessão da Câmara: sempre é bom assistir

Tivemos o prazer de volta a assistir uma sessão da Câmara dos Vereadores de Upanema, hoje. Além de interessante, as sessões servem de terapia para mim, pois os médicos me disseram que rir é bom para a saúde. Não estou querendo desrespeitar os amigos vereadores, mas as confusões e as brigas entre eles são muito interessantes. Sem nenhuma maldade, me divirto mesmo.

Na sessão de hoje teve de tudo. Começou com o vereador Valério citando uma matéria publicada em nosso blog, falando sobre a prestação de contas da Câmara, que desde que o atual presidente assumiu, ainda não foi feita. Valério disse que isso era uma obrigação do atual presidente e que estava sendo negada pela secretaria da casa. O presidente disse que se Valério tivesse procurado ele, ele teria informado os dados. Valério disse que não procurou porque nunca via o presidente na Câmara.

O vereador Ferrari sugeriu uma audiência com o INCRA para tentar viabilizar melhorias para as famílias assentadas. “Hoje a política do PT joga as famílias nos assentamentos e não possibilita que eles possam produzir. Só quem vive de uma forma mais ou menos são as famílias que tem um aposentado. É preciso discutir e cobrar mudanças, fazer projetos para que a longo prazo essa famílias possam continuar no campo”, enfatizou.

O vereador Carlos César apresentou requerimento solicitando a construção de uma praça em frente a Igreja de Mãe Rainha, no bairro Pêgas e um palco coberto para o Clube Municipal.

Canindé Rocha pediu ao vereador Ferrari, líder do governo, explicações sobre as máquinas da PMU trabalhando em uma obra que uma empresa privada está realizando. Canindé insistiu em cobrar informações sobre as obras, os recursos e os gastos da PMU. Ferrari irritou-se e disse que o prefeito Luiz Jairo é um prefeito honesto. “Vereador, as máquinas estão trabalhando porque esta é uma obra licitada. Não tem nada de errado. Essa administração é transparente e tem tudo publicado no site da Prefeitura, no Portal da Transparência, coisa que nunca tinha sido feito”, afirmou o líder do governo. O nobre vereador Ferrari não tem ideia do absurdo que disse. Coitado. Vereador, o senhor confirma que as máquinas da PMU estão trabalhando para uma empresa privada e tenta justificar esse absurdo dizendo que não há problema, pois a obra foi licitada!? Vereador, quem disse essa história ao senhor, duvida da capacidade intelectual do povo de Upanema e sabe que os bicudos, em sua grande maioria, engolem qualquer história sem pé nem cabeça. É evidente que temos pessoas inteligentes e de grande capacidade no grupo bicudista, a qual colocava o senhor. Mas, dizer um absurdo desses me fez repensar o que pensava a seu respeito. Outra coisa que o vereador precisa saber é que as informações que o senhor disse que estão no site da PMU, só se for de outra cidade. Nosso blog avisou isso faz tempo. Fizemos uma matéria inclusive, basta pesquisar. O site tem um link que não funciona e mesmo que funcionasse não é o suficiente para se adequar o que pede a lei. Portanto, essa administração é transparente como o senhor disse. O pior é que o vereador não é o único que acredita nessas conversas que circulam entre os bicudos. Merece um estudo a capacidade dessas pessoas em acreditar em tudo que favoreça a atual administração.

O vereador Ibinha disse que a prefeitura vai climatizar várias escolas municipais, beneficiando milhares de alunos. O vereador Aisamaque pediu para que o vereador desse o crédito a quem realmente conseguiu o beneficio, ou seja, a ex-prefeita Maristela e a equipe do secretário de Educação, Inácio Araújo, que estava presente. Ibinha disse que não tem problema em divulgar quem ajuda o município, mas segundo ele, o prefeito Luiz Jairo também tem méritos, pois pagou mais de R$ 50.000,00 para o município sair da inadimplência. O vereador Valério pediu explicações ao colega, a respeito dessa afirmação. “Vereador, eu quero que o senhor me diga de onde foi que o prefeito tirou esse dinheiro e para que foi esse pagamento, pois se a prefeita Maristela ficou devendo e Luiz Jairo pagou despesas da administração passada, eu quero acionar os dois na justiça. Não existe fundamentação legal para isso, a não ser que ele tenha pago do bolso dele, pois com o dinheiro da PMU, do povo, não pode”, afirmou o Valério. Ibinha disse que não sabia como tinha sido pago e que o vereador fosse perguntar ao prefeito. Ferrari disse que as pendências deixadas pela gestão anterior, teriam que ser pagas com dinheiro da PMU, pois a divida era da prefeitura e não da prefeita. Ibinha continuou citando a grande quantidade de obras que a PMU irá entregar a população no próximo dia 16, na festa de emancipação política. “Por todo canto a gente vê obra. É obra que não acaba mais”, disse.

Na apreciação dos projetos, requerimentos e comunicações, o presidente colocou em votação três projetos em regime de urgência. Um ligado ao Conselho Municipal da Juventude, outro delimitando a zona urbana de Upanema e um que permite o município pagar gratificações para policiais que trabalhem em Upanema. O vereador Aisamaque explicou que ficou decido em reunião que novas propostas iriam ser apresentadas para melhorar o Conselho Municipal da Juventude, portanto, o ideal era que o projeto fosse analisado em outra sessão. O pedido foi atendido. O pedido de urgência para projeto que delimita a área urbana foi questionado pelo mesmo vereador. Aisamaque disse que o projeto deveria ter sido discutido pela sociedade e pelas partes envolvidas, como por exemplo os moradores das áreas limites. Mesmo assim, o projeto foi aprovado. O projeto do pagamento de gratificações para os policiais também foi aprovado.


Para terminar, os vereadores decidiram que não vão mais conceder o título de cidadão upanemense a todos que estavam previsto para receber na festa de emancipação. Preferiram dividir pela metade o número de homenageados e a outra metade fica para dezembro, em outra festa. Fiquei com dúvida e procurei saber quantos homenageados estavam previstos inicialmente. Diga aí meus amigos, quantos agraciados com o título de cidadão upanemense os vereadores deverão conceder? Nada mais, nada menos que 64. O vereador Valério disse que não aprova nenhum, pois considera ma banalização da Câmara com uma honraria tão importante. “Não existe critério. É só interesse político e puxa-saquismo. Não conheço nem dez pessoas que merecem esse título, imagine 64”, disparou. Será que o vereador falou alguma mentira? Entre os homenageados com o título, a ex-governadora Wilma de Faria. 

22 de agosto de 2013

Conveniência política pode antecipar eleição para presidente da Câmara

O Blog do Anax, sempre atento aos bastidores da política local, ficou sabendo que existe uma movimentação de alguns vereadores no sentido de realizar a eleição para presidente da Câmara neste ano. Calma! Eu sei que vocês não devem tá entendendo nada, pois o mandato do presidente Carlinho Garcia só termina no final de 2014. A eleição não mudará em nada o mandato do atual presidente, apenas antecipa a data da próxima eleição que aconteceria no final do próximo ano, para este ano. Pois é, é uma espécie de golpe para alguns, mas o mais correto seria uma jogada de interesses. Explico: a antecipação nada mais é do que uma jogada para que a atual grupo de vereadores da situação não corram nenhum risco daqui para o final do próximo ano. Mas, que risco seria esse?! Segundo apuramos o risco chama-se Rivanda Bezerra. Não é de interesse do grupo da situação que a presidência caia nas mãos da atual secretária de Ação Social, já que ela é aliada de última hora e não inspira confiança em muitos pilares do bicudismo. Caso Rivanda volte para tentar a presidência em 2014, ela poderia contar com o seu voto e mais os quatro da “oposição”, ou seja, Valério, Aisamaque, Canindé Rocha e Monthalgan. Sem o voto do vereador Ferrari, que seria ocupado por Rivanda, a situação ficaria com apenas quatro votos. Essa manobra foi e está sendo traçada de forma escancarada dentro do grupo situacionista. Não tem ninguém pedindo segredo não. Vereadores já teriam até pedido voto para dois vereadores da oposição.  

DESCULPA
A desculpa para a antecipação da eleição é de que já que está tudo correndo de forma harmônica, o melhor seria evitar possíveis polêmicas e desgastes nos últimos dois anos. Só quem ainda vai nascer para acreditar numa história dessas.

ATUAL PRESIDENTE
Perguntamos a uma pessoa ligada ao atual presidente Carlinho Garcia sobre o que o presidente achava dessa possibilidade. Segundo a fonte, Carlinho vota em quem unir o grupo. “Caso não haja um nome de consenso, Carlinho deverá colocar seu nome a disposição”, explicou.

LEGALIDADE
A antecipação da eleição talvez não seja tão simples quanto pensam alguns. A mudança gera polêmica entre conhecedores do regimento da Câmara. Para alguns, não há problema algum, pois o regimento não especifica uma data para que se realize a eleição do segundo biênio. “É uma decisão que cabe a mesa diretora. Não existe nada no regimento que impeça uma decisão da mesa diretora”, disse uma fonte ligada a situação. Mas, esse não é o entendimento do ex-presidente Dárcio Régis. Segundo ele, a eleição só pode ser realizada no final do mandato do atual presidente. “Se fosse do jeito que estão querendo, melhor era ter feito as duas num dia só. Não tem sentido isso!”, criticou. Para ele, a conveniência política está tentando passar por cima do regimento interno da casa, mas o povo e o judiciário não podem permitir que isso ocorra.

O pensamento de Dárcio também é corroborado pelo ex-secretário da Câmara, Manoel Gerinaldo da Costa. Profundo conhecedor do regimento da casa, Gerinaldo cita o artigo em que deixa claro que não é permitida a antecipação da eleição. “O regimento não deixa margem para antecipação, mas nada impede que os vereadores mudem o regimento para atender a necessidade política da maioria”, explicou Gerinaldo. Veja o que diz o regimento:

Disposições Gerais da Mesa
Art. 7, inciso IV – a eleição para renovação da mesa diretora, realizar-se-á, obrigatoriamente a partir de qualquer sessão ordinária no período compreendido entre os meses de novembro e dezembro do último ano do primeiro biênio da legislatura em atividade.

RIVANDA
A principal envolvida nesse processo, a secretária Rivanda Bezerra conversou conosco sobre o caso. Ela preferiu não se manifestar sobre o assunto, pois segundo ela, não foi procurada nem foi consultada pelos colegas vereadores a respeito. “Não estou sabendo de nada, portanto não posso falar sobre uma coisa que não sei”, disse. Perguntei sobre como ela agiria se isso realmente acontecesse. Ela disse que não pode emitir opinião hoje, pois ela está secretária e os assuntos da Câmara são acompanhados de longe, principalmente com informações trazidas pelo vereador Ferrari Bazílio, que assumiu em seu lugar. Rivanda também disse que seu sonho de assumir a cadeira de vereadora não acabou. “Não tenho data marcada para assumir, mas tenho esse desejo e nunca escondi isso, pois fui candidata e estou hoje numa função que me foi confiada pelo prefeito em virtude de nosso desejo de ajudar os filhos de Upanema”, destacou. A secretária também fez questão de dizer que o sonho de assumir a cadeira de vereadora não está condicionado a presidência da Câmara.

DUVIDOSOS

Para aqueles que sempre lêem minhas matérias e antes de saberem o conteúdo já vão dizendo: lá vem o mentiroso, babão, nojento, chato, etc. Mando um recadinho, quem me chamou de mentiroso nos últimos dias teve uma resposta a altura, em tom e bom tom. O assunto aqui abordado tem fundamento e nos chegou através da credibilidade que temos junto aos personagens da política upanemense, seja do lado da oposição ou do lado do prefeito. Em respeito ao leitor, jamais viríamos aqui falar sobre um assunto tão importante, sem ter o mínimo de informação correta e coerente. 

20 de agosto de 2013

Casal de upanemenses sofre acidente grave na BR-110

foto: O câmera
Aconteceu agora há pouco na BR-110 um acidente envolvendo filhos de Upanema. Trata-se do casal Técio Faria e sua esposa Simone Faria, irmã do prefeito Luiz Jairo. Os dois iam para Mossoró, quando o carro colidiu com uma vaca, próximo a cidade vizinha. As primeiras informações dão conta que Simone estaria com maiores escoriações, mas consciente. Torcemos para que nada de mais grave ocorra com os mesmos.

19 de agosto de 2013

Sindicato pode ter saída honrosa com proposta de greve

Segundo fomos informados, a direção do SINDSERPUP, sob pressão, estaria disposta a ouvir a voz dos sócios e resolver de vez entrar na briga pelo cumprimento das promessas feitas pelo prefeito eleito. Uma das principais mudanças no comportamento do SINDSERPUP – além da pressão dos sócios – seria o não atendimento aos pedidos de resposta as propostas enviadas ao executivo com relação ao PCCS. Pelo que soubemos o executivo só teria condições de receber o sindicato no dia 1 de outubro, para ainda ouvir o mesmo. O fato caracteriza-se como um retrocesso no processo de negociação e ficaria insustentável o discurso do sindicato que as negociações estavam avançando, quando todos sabem que não.


Além dos sócios, a sociedade upanemense em sua grande maioria não entende a forma como a atual direção do SINDSERPUP vem aceitando o processo de “empurramento com a barriga” que o executivo vem tratando essas negociações. Diante de tamanha indignação com o caso, o indicativo de greve deverá ser abordado em reunião com os sócios, pois essa seria uma atitude natural em outras épocas. Outras alas já se formaram e pressionam a direção para que a coerência de outras épocas seja mantida e que as questões políticas sejam esquecidas em detrimento do ganho dos funcionários. Essa corrente cresce a cada dia e deverá ser creditada a ela qualquer ganho que seja conquistado, já que o sindicato teve tempo e oportunidade para mostrar sua capacidade de negociação e não o fez. Agora, diante da pressão, resta ainda uma saída honrosa. 

Vamos aguardar para ver se a mudança de comportamento acontecerá.

Vereadores cobram transparência do presidente da Câmara

Um problema sério foi nos passado no último final de semana por vereadores de nosso município. Os edis nos informaram que a presidência da Câmara não repassa a prestação de contas da casa desde que assumiu o atual presidente Carlinho Garcia. “Oito meses se passaram e até agora o presidente não disse quanto entrou nem quanto e onde foi gasto o dinheiro”, disse um vereador.

Segundo outro vereador, a secretaria da Câmara teria informado que a prestação será feita apenas no final do ano. “Isso é um absurdo”, enfatizou o parlamentar. Segundo ele, a prestação deverá ser feita mensalmente, pois se existir alguma erro poderá ser corrigido sem que a Câmara e o cidadão tenham prejuízo.

A falta de transparência da atual gestão tem testado a paciência dos vereadores membros da oposição. Segundo o vereador Valério Augusto, o atual presidente já teve tempo demais para mostrar o que está sendo feito com o dinheiro da casa. “Não queríamos, mas parece que vamos ter que acionar a Justiça para o presidente dizer quanto e onde está o dinheiro do povo. Isso é uma vergonha”, afirmou.


A reportagem do Blog do Anax procurou a secretaria da Câmara, através do secretário Carlos Júnior, que explicou que a partir do próximo mês deverá publicar suas contas no site da casa. Mas, para atender aos pedidos dos vereadores estará providenciando a prestação de contas dos últimos oito meses e entregando aos mesmos. 

Aproveitamos para perguntar sobre a participação da Câmara na festa dos 60 anos de Upanema. Segundo Carlos Júnior, a festa do “bolo” criado pela gestão do ex-presidente Dárcio Régis, não será realizada em virtude da falta de recursos. A participação da Câmara ficará restrita a entrega de título de cidadão upanemense. 

Absurdo com o dinheiro público

Era uma vez uma cidade onde antigamente nada podia, mas hoje tudo pode. Para se ter uma ideia, sábado, máquinas da prefeitura dessa cidade estavam trabalhando enchendo e carregando areia para uma obra que está sendo feita. Não tinha nenhum problema se a obra estivesse sendo realizada pela prefeitura, mas não estava nem está. A obra foi licitada e tem uma empresa ganhando dinheiro para fazer o trabalho. Assim é muito bom meus amigos, eu ganho uma licitação e utilizo as máquinas da prefeitura para trabalhar para minha empresa. Pense numa economia para o meu bolso.

O detalhe é que as máquinas estavam trabalhando em pleno sábado ás 14:00h, horário de pouco movimento nas ruas. Seria para não chamar a atenção?! Não teve jeito, pois câmeras de segurança filmaram tudo.

Nessa cidade aumenta cada dia mais a sensação de impunidade e falta de interesse por parte das autoridades competentes e responsáveis pela fiscalização do dinheiro público. Viva o país da impunidade.


18 de agosto de 2013

Vai, vai, vai correndo atrás...

Causou muita polêmica uma matéria publicada em nosso blog esta semana. A polêmica foi causada principalmente por pessoas que sinceramente temos pena pela incapacidade de interpretar um texto simples. Ora meus amigos, o texto tinha e tem a intenção de mostrar a inoperância da assessoria de imprensa da PMU e não ser contra ao que se pretende fazer com a destruição do famoso morro.

Está claro no texto que a falta de divulgação do motivo e do objetivo da destruição do morro, deixava margem para qualquer um criticar o prefeito. Mas, pelo visto, interpretação de texto não é o forte nem vai ser de muita gente. Tem também aqueles que não querem nem saber o que tem no texto, pois antes de ler já estão com raiva de mim e mesmo que eu elogie ou faça uma crítica construtiva a atual administração, não vão nem perceber.

Deixei claro também que eu sabia o motivo da destruição, pois tinha consultado uma fonte. Adivinha quem era a fonte? A Secretária Rivanda Bezerra! Kkkkkkk. Ela me explicou os motivos e o objetivo aos quais concordamos e tenho certeza que todos teriam concordado se a assessoria tivesse feito uma matéria explicando.


Pois é, eu fiz o caminho que a assessoria deveria ter feito para evitar a polêmica. Mas, só fizeram depois que publiquei a matéria no meu blog. Como diria a música de Cavaleiros do Forró: vai, vai, vai correndo atrás. 

17 de agosto de 2013

Vereador Aisamaque Dalyton - PT representa a Deputada Federal Fatima Bezerra - PT/RN em solenidade de entrega do Kit do Conselho Tutelar

Nesta sexta-feira 16/08 aconteceu a entrega simbólica do Kit do Conselho Tutelar de Upanema/RN.Em seu discurso o vereador Aisamaque Dalyton - PT disse que era com muito orgulho que representava  o mandato parlamentar da Deputada Federal Fatima Bezerra – PT/RN, mandato esse que tem contribuído significadamente com ações, programas e projetos que proporcionam melhor qualidade de vida aos nossos munícipes.
 Hoje não é diferente. Hoje não seria diferente.  Estamos entregando simbolicamente um kit para o conselho tutelar  composto por 5 computadores, 01 impressora multifuncional, 01 geladeira, 01 gelágua e um carro para auxiliar exclusivamente nas atividades do conselho tutelar.  
 
È histórico não só em Upanema, mas em todas as cidades do Brasil a falta de estrutura para os conselhos tutelares. E foi pensando nisso que a Deputada alocou uma emenda individual no valor de R$ 2.000.000,00  que beneficiou aproximadamente 100 municípios do estado do Rio Grande do Norte. Essa emenda teve inicio ainda em 2011 quanto o Partido dos Trabalhadores local participava da gestão municipal, onde pautou o nosso  conselho tutelar e a Deputada prontamente atendeu.
 
 Com a entrega desse Kit o governo federal, a presidenta Dilma,  através da Secretaria de Direitos Humanos pretende oportunizar aos órgãos de apoio a criança e ao adolescente mecanismos que possam contribuir  e proporcionar melhor atuação. 
 
È importante reconhecer e parabenizar essa ação da Presidenta Dilma, alias dos governos do PT que a cada dia nos traz a certeza do desenvolvimento, da melhor qualidade de vida para todos nós brasileiros (as). Se olharmos o Brasil de 2001 e o Brasil de 2013 vemos a diferença. 
 
Por último parabenizar nossa população em especial a criança e o adolescente por mais essa conquista.  Parabenizo também os membros do conselho tutelar (Edson, George, Raimunda, Pliego, Sacriteia e Adriana). A partir de então vç terão estrutura para fomentar cada vez mais o trabalho e as ações de combate ao abuso e a violência da criança e do adolescente.  
 
Finalizo colocando nosso mandato de vereador que diariamente está em sintonia com a deputada Fatima  a disposição de toda a população. O PT tem compromisso com nossa cidade, disse o vereador. 
A solenidade aconteceu no Centro de  Convenções Francisco Alex de Oliveira Neto,  dentro da programação da VI Conferência Municipal da Assistência Social e contou com a presença do Sr. Prefeito Luiz Jairo Bezerra de Mendonça, Anisio Junior - Vice-Prefeito, Rivanda Bezerra - Secretaria Municipal de Urbanismo e Assistência Social - SUAS, Conselheiros Tutelares e demais autoridades.

16 de agosto de 2013

Prefeitura destrói obra construída na gestão Jorge Luiz

Alguém sabe o motivo da destruição do morro ali próximo a praça de eventos? Isso mesmo, aquele morro que continha o nome Upanema e que servia como cartão de apresentação do município. O morro foi construído na gestão Jorge Luiz e sem nenhuma explicação por parte da atual administração, passaram o trator e destruíram tudo.


Ao mesmo tempo que pergunto, vou logo dizendo que sei a resposta, pois consultei minhas fontes, mas como quem ganha pra dar explicação e informar das ações da PMU não publicou nada, vou ficar calado e deixar o povo meter o pau no prefeito. Com uma assessoria dessas fica fácil fazer oposição.

Tempos modernos

Deve ser o fim dos tempos mesmo. Quem diria que um dia veríamos a classe dos professores, em sua maioria, não concordando em fazer greve contra um governo dos Rosado. Tendo como principal motivo as conquistas salariais adquiridas no governo do DEM. Enquanto que aqui em Upanema, o combativo sindicato fica caladinho, mesmo sem ter sido atendido com uma reivindicação por parte do executivo anterior e atual. A diferença é que no anterior eles “lutavam” por seus direitos. Tempos modernos.

12 de agosto de 2013

Sempre Grafith

Escutando o show do Grafith na Festa do Esporte, vejo que o repertório da banda continua o mesmo. Ou seja, músicas de duplo sentido aliada a pegada inconfundível do arrocha. Taí o que a galera quer. Veja o exemplo das pérolas:

É ímpar, é par/
Se der ímpar você chupa/
Se der par você me dar.

OUTRA

Eu tenho dinheiro, eu tô na moda/
Sua mãe quer ser minha sogra/
Sua mãe quer ser minha sogra.

Lembrando que também gosto da banda, para que depois não interpretem que estou criticando. E se tivesse, também não tinha nada.

11 de agosto de 2013

Começo do fim

Colocamos a matéria sobre as faixas do SINDSERPUP, mas todos entenderam a forma irônica com que escrevemos, pois já sabíamos que nenhuma faixa seria colocada. A ausência das faixas do sindicato cobrando direitos dos funcionários como o Plano de Cargo, Carreira e Salário, além do piso do magistério, configura-se em mais uma omissão e ao mesmo tempo alimenta a imagem de um sindicato subserviente ao executivo. As atitudes da atual diretoria estão causando revolta em muitos sócios, que já estão se organizando e fazendo cobranças paralelas junto ao executivo. Pode ser o começo do fim.

10 de agosto de 2013

9 de agosto de 2013

Sindicato deverá colocar faixas de reivindicações amanhã

Uma das estratégias utilizadas pelo SINDSERPUP nos últimos anos para pressionar o executivo a atender suas reivindicações, foi a colocação de faixas pelas ruas em dias de festa. A intenção era mostrar, principalmente para aqueles conterrâneos ausentes, que a administração municipal não estava atendendo as necessidades dos servidores e de quebra atender aos interesses políticos de alguns. Como não tivemos essas reivindicações atendidas pela atual administração, amanhã, dia da festa do Esporte, deveremos ter mais uma enxurrada de faixas pelas ruas da cidade, cobrando o PCCS, o piso do magistério, entre outras reivindicações. Tenho certeza que teremos essas faixas, alguém duvida?

7 de agosto de 2013

Nota de esclarecimento sobre a nota de "desesclarecimento"

Nesses oito meses de administração “Vida digna para alguns cidadãos”, a maior parte da imprensa local tem sido alvo de inúmeros desrespeitos e críticas infundadas e injustas, como forma de retaliação ao trabalho de fiscalização da atual administração, que não prima pela transparência e o bom convívio com os meios de comunicação. Com um comportamento típico das mais perversas ditaduras, essa administração tem realizado ações, publicado matérias e discursos com o objetivo de desqualificar e extinguir os meios de comunicação locais, ao invés de destacar e divulgar suas ações administrativas. Mais um exemplo de tentativa de desqualificação dos meios de comunicação os senhores verão abaixo:

Talvez a maioria dos senhores e senhoras leitores não tenha visto a nota de esclarecimento enviada pela “Assessoria de comunicação” da Prefeitura de Upanema, desqualificando, criticando (descendo a lenha) no Jornal de Upanema, em virtude da matéria sobre o possível rompimento de membros da família do vice-prefeito Juninho, com a atual administração. Talvez a maioria não tenha visto em virtude da falta de exposição e da sensatez de alguns companheiros da imprensa que não se dispuseram a publicar tamanha insanidade.

Para que todos entendam, principalmente os leitores de outras cidades que ainda não tiveram acesso ao conteúdo publicado, pois o Jornal ainda não circulou na internet, a matéria fala da insatisfação de dois INFLUENTES membros da família do vice-prefeito Juninho com a atual administração, inclusive com um deles afirmando que já estava rompido com o prefeito. Os motivos principais seriam a falta de apoio ao secretário de saúde, que foi indicação da família; A família não ter sido consultada na indicação no novo secretário de saúde; Falta de participação no quadro administrativo e de prestação de serviços da PMU. Na mesma matéria fica claro que o vice-prefeito não concorda com o rompimento e tenta conciliar uma continuidade na aliança. É basicamente isso que foi dito na matéria. Lembrando que foram os membros da família que procuraram os meios de comunicação para expor essa situação.

Pois bem. Todos os meios de comunicação local e qualquer ser humano sensato, desprovido de paixonite política, sabe que seria impossível o Jornal de Upanema inventar uma história dessas. Digo mais. Quem fez a reportagem fui eu, portanto, se tivesse inventado uma história dessas, com tamanha riqueza de detalhes, estaria era na Globo fazendo novela. Ao chamar de mentirosa a matéria, a Assessoria de comunicação da PMU me promove a um grande escritor de novelas, que eu dispenso, pois trata-se apenas de um furo de reportagem, de um pequeno Jornal, de uma pequena cidade.
Mas vamos ao que interessa ao prefeito: audiência.

A parte em azul é a nota enviada pela Assessoria de comunicação da PMU, rebatendo a matéria do Jornal de Upanema. Vou analisar por parágrafo, vejamos:

NOTA DE ESCLARECIMENTO
Nota de Esclarecimento conjunta do prefeito Luiz Jairo e do vice-prefeito Juninho em resposta à matéria publicada na última edição do “Jornal de Upanema”.
O prefeito Luiz Jairo e o vice-prefeito Juninho vêm a público esclarecer que:
A matéria publicada na última edição do “Jornal de Upanema” sobre uma suposta crise política envolvendo o prefeito e a família do vice-prefeito é completamente inverídica e cercada de más intenções;

Vou começar logo dando uma “voadora nos peito” dessa assessoria chibata e sem credibilidade. Chamar a matéria de inverídica e de más intenções é fácil, difícil é provar. 
Se não, vejamos:
·         *  Estava eu no dia 02/08 em um comércio, quando as 10:42h e as 10:43h meu telefone toca, por duas vezes, mas como estava no silencioso não ouvi. Ás 10:45h vi as chamadas, que era de um amigo membro da família Carlos. Retornei a ligação e ele disse que estava ligando para parabenizar-nos pela matéria publicada em nosso blog, falando sobre a insatisfação com o desfecho da saída do secretário de saúde. Aproveitou pra falar sobre como estava sua posição em relação a atual administração e os motivos. Isso deu boa parte da matéria publicada no Jornal. A ligação durou 05:30s. Detalhe: a fonte não pediu segredo.

·         *  Pensando eu que estava com uma boa matéria sobre os bastidores da política, eis que me liga ás 12:06h outro membro da família, perguntando se eu tinha recebido alguma ligação do outro membro. Disse que sim. Ele disse: estou ligando para me solidarizar com as palavras ditas por ele e dizer que também estou insatisfeito com a forma com que nossa família está sendo tratada por esse prefeito. Disse que a família deverá se reunir nesse mês, quando um membro que mora distante vier e, decidir sobre o rompimento. Disse que Juninho era contra, mas o rompimento era iminente devido a falta de consideração com o trabalho desenvolvido por ele e outros membros da família. Além disso, citou vários exemplos de pessoas insatisfeitas, que não faziam parte da família, mas eram ligadas a mesma. A ligação durou 05:41s.

·        *  Pra completar, o comércio em que eu estava, tinha sistema de câmera de segurança. Antes de publicar esta matéria, me certifiquei se as mesmas tinham me filmado conversando com as fontes. Pois num é que tem. Kkkkkk.

·         *  Aí eu pergunto a assessoria de comunicação: é inverídica, é de má fé essa matéria? Se não estiver satisfeita, estou a disposição da Justiça e de qualquer um interessado em quebrar meu sigilo telefônico para ver o conteúdo da conversa. Em respeito a minhas fontes, não vou revelar os nomes. É um direito meu e deles. Não vai ser essa matéria que chama o Jornal e consequentemente eu, de mentiroso e não prova, que vai mudar meu caráter.

·         *  Aliás, com relação a matéria mentirosa, de má fé, a assessoria de imprensa da PMU ainda me deve uma informação: cadê as imagens, as matérias da época, as fotos, das três inaugurações do abatedouro? Por mais de uma vez essa assessoria publicou de forma MENTIROSA e de MÁ FÉ que o abatedouro de Upanema foi inaugurado três vezes. Desafiei e até hoje não me provaram nem provam, pois é mentira. Realmente, de mentira vocês entendem bem.

A relação entre o prefeito e o vice-prefeito e a sua família é de total harmonia e em consonância com a defesa dos interesses de Upanema e do seu povo;

·         *  Com o vice-prefeito pode até ser, mas com a totalidade da família não é! Provei por A mais B, mais C ao quadrado, no parágrafo anterior.

A harmonia entre o prefeito e o vice-prefeito pode ser comprovada no dia a dia, através das constantes participações dos dois gestores em eventos, como a Marcha dos Prefeitos a Brasília e a visita da governadora Rosalba Ciarlini a Upanema;

·         *  Em nenhum momento da matéria, citamos desunião, falta de harmonia ou insatisfação do vice-prefeito com o prefeito. Pelo contrário, citamos que o vice-prefeito não é a favor do rompimento da família.

·               *  Outra coisa... Essa história de ficar se pabulando de união entre prefeito e vice com oito meses de administração é coisa de juvenil. Ora meus amigos, Jorge e Antonio Targino passaram oito anos juntos. Maristela e Manezinho quatro anos, aí vem esses aprendizes comemorar oito meses. É demás!

O vice-prefeito destaca que apenas ele e a sua mãe, dona Maria José, representam a sua família politicamente e que o responsável pela matéria, irresponsavelmente, não ouviu nenhuma dessas duas fontes antes de publicar o conteúdo mentiroso;

·         *  É meu amigo Juninho, essa sua declaração teria sido muito mal interpretada por mim se você fizesse parte da minha família. Soaria como autoritarismo, arrogância, soberba falta de humildade mesmo. Mas, interpretação é uma questão pessoal, portanto respeito sua declaração. Mesmo assim, quero dizer que o senhor representar a sua família politicamente, não tira o direito democrático dos membros de sua família em expressar sua opinião. Não acha?!

A matéria deixa claro, pelo menos para mim, que as duas fontes são INFLUENTES na família. Mesmo não tendo sido eleitos, ou deterem mandatos, acho que eles também representam o pensamento da família.  

·         *  Com relação a não ouvir o senhor e sua mãe, até agora não entendi a necessidade. Em nenhum momento foi dito que o senhor e sua mãe iriam romper, estavam insatisfeitos ou concordavam com o rompimento. Ouvir o senhor para o senhor dizer o que já tinha sido dito?!

·         *  Com relação a dizer que o conteúdo da matéria é mentiroso, é uma afirmação pesada e que o senhor vice-prefeito já deve ter mudado de opinião depois que leu o primeiro parágrafo. Lembrando que o conteúdo da matéria foi fornecido por membros de sua família senhor vice-prefeito, portanto... Em respeito a nossa amizade, tenho certeza que o senhor vai rever essa acusação de mentiroso.

O vice-prefeito acrescenta que nenhum dos seus familiares o procurou ou à sua mãe para demonstrar insatisfação com a aliança política com Luiz Jairo e que, diante da união da sua família, em nenhuma hipótese um familiar procuraria primeiramente à imprensa para despojar o seu descontentamento;

·         *  É, senhor vice-prefeito, se eles não procuraram o senhor, problema do senhor. Pelo visto o senhor não conhece bem os membros da sua família ou não está ouvindo eles. Provei que eles me procuraram.

O prefeito observa que, apesar do teor mentiroso da matéria, não se sentiu surpreso com a publicação, por se tratar de uma iniciativa de algumas poucas pessoas que estão interessadas em conturbar a gestão municipal, quando deveriam, como filhos de Upanema, se aterem em defender uma gestão próspera para a cidade e o seu o povo;

·         *  Se não é surpresa para o senhor prefeito a matéria, também não o é a declaração do mesmo. Na minha opinião, sua administração mostra uma total aversão a imprensa e repudia críticas. Vindo do senhor prefeito, nada me surpreende. Com relação a matéria de teor mentiroso, o senhor tá chamando eu e os membros da família Carlos, que conversaram comigo, de mentirosos, pois o conteúdo foi fornecido por eles, que fique claro. Com relação a defender uma gestão próspera para a cidade e o seu povo, ainda estou querendo saber cadê essa gestão. Aliás, se o senhor está querendo dizer que a gestão próspera é essa sua, kkkkkkkk, deve tá de brincadeira. Próspera para quem?! Ahhhhh, entendi: “vida digna para alguns cidadãos”. Desculpe prefeito.

O prefeito rechaça a prática do jornalismo de “má” qualidade, onde, ao invés de ouvir fontes confiáveis, se utiliza de subterfúgios como “os filhos de caidinha” para repassar informações mentirosas ao público, um sinal de total desrespeito com os envolvidos com tais notícias e, principalmente, com os leitores;

·         *  Sinceramente, sei que Luiz Jairo, a pessoa de Luiz Jairo, não disse essa frase. Sei como funciona esse negócio de assessoria de imprensa e repudio esse tipo de manipulação de frases. Repudio mais ainda, o prefeito Luiz Jairo, concordar com uma assessoria dessas. Jornalismo de má qualidade senhor prefeito, é o que sua assessoria de imprensa faz. Digo e provo! Além de não ter qualidade é inerte. Se não, vejamos: você que está vendo essa matéria agora e mora em outra cidade, talvez não saiba, mas a atual administração realizou uma grande obra em nosso município. A pavimentação de parte da Av. Antonio Vitorino é a primeira de duas obras do atual governo em oito meses. A outra foi dois mata-burros que iniciaram em fevereiro e essa semana terminaram. Mas vamos lá. Pra vocês que moram fora, quando as máquinas estavam colocando o asfalto, parecia um comício dos aliados do prefeito, que coitados, não agüentavam mais esperar por alguma obra feita com recursos dessa administração. Sete meses de secura. Quando o prefeito fez alguma coisa, os bicudos endoidaram – no bom sentido. Mas, a assessoria de imprensa da PMU, até hoje, ignorou a única grande obra da atual administração. Nenhuma matéria, nenhuma foto com as máquinas trabalhando, com o povo olhando e admirado com a primeira obra de Luiz Jairo. Quem teve pena e colocou alguma coisa foi o blog de Josiel. Aí, o prefeito em vez de cobrar da sua assessoria vem meter o pau no Jornal. Dizer que o Jornal faz jornalismo de “má” qualidade. Prefeito, sua assessoria não divulga o que o senhor faz e o senhor paga a eles pra quê? O Jornal e os blogs estão batendo recordes de vendas e audiência, enquanto sua administração não mostra a cara. Quem faz jornalismo de má qualidade prefeito?

·         *  Coloquei em meu blog que não tinha publicado nada a respeito da obra, pois a assessoria de imprensa da PMU não botou nenhuma matéria com dados e informações sobre a mesma. Só lembrando que a partir de hoje, se colocarem alguma coisa, vou creditar na minha conta, pois pelo visto vou ter que desenhar pra vocês aprenderem a fazer alguma coisa direito.

·            *  Com relação aos “filhos de caindinha”... Eles lhe incomodam hein prefeito?!

O prefeito reitera que defende o direito de liberdade de expressão para todos, desde que ela seja baseada na verdade e no respeito, premissas que não estão sendo respeitadas por alguns “comunicadores” em Upanema;

·         *  Típico dessa assessoria, morde e assopra. Defende coisa nenhuma senhor prefeito, uma das primeiras atitudes de sua administração foi tomar a chave do prédio onde funcionava a TV Upanema. Nesse mês, um integrante da coordenação de comunicação enviou um ofício pedindo para que uma empresa de internet tire os equipamentos da torre da prefeitura. Sem falar no famoso discurso de orientação para os blogueiros de nossa cidade. Quer enganar quem?!

Por fim, o prefeito e o vice-prefeito esperam que a imprensa local se comprometa com a verdade e que, ao criticarem, seja de forma construtiva e não apenas com o intuito de tentar criar desavenças entre os que fazem a gestão municipal atualmente;

·         *  É, como provei e provo o que foi publicado, reforçamos que estamos comprometidos com a verdade.

Sem mais para o momento,
Prefeito Luiz Jairo
Vice-prefeito Juninho
Upanema, 06 de agosto de 2013 

-- 
Prefeitura Municipal de Upanema
Coordenadoria Municipal de Comunicação Social


Pensaram que tinha terminado?! O melhor ficou por último. Estão vendo quem assina a matéria política acima relatada? A Coordenadoria Municipal de Comunicação Social. Isso mesmo, ao invés de publicar as ações e realizações da PMU, a coordenação de comunicação emite notas para tratar de assuntos POLÍTICOS. Não sei se os senhores sabem, mas o Ministério Público, eu e muita gente sabe, a assessoria de comunicação de um órgão público é o canal diário por meio do qual a imprensa obtém informações sobre as realizações de um governo ou de uma administração.

O cidadão que ocupa o cargo de Assessor de Comunicação tem o dever de transmitir estas informações, norteado pelo o principio da impessoalidade e imparcialidade, utilizando uma linguagem de maneira clara e objetiva. A impessoalidade nesse caso significa que a assessoria de imprensa não pode emitir opinião pessoal, nem defender as pessoas do prefeito e/ou vice-prefeito a respeito de outras questões que não sejam administrativas. Emitir nota sobre questões políticas em nome do prefeito e/ou vice-prefeito é dever deles ou de assessoria pagas por eles e não pagas por nós cidadãos. Se a família do vice-prefeito vai romper ou não, não é de interesse da administração municipal, é de interesse POLÍTICO do prefeito e do vice. Portanto, não é função da assessoria da PMU estar defendo o prefeito nem o vice em questões políticas. Nesse caso, fica a impressão de uso da máquina pública em defesa de interesse particular. Queria terminar mandando um alô para o Ministério Público.

5 de agosto de 2013

Jornal de Upanema: Membros da família do vice-prefeito Juninho estão prestes a romper com atual prefeito

Começou a circular neste domingo mais uma edição do nosso Jornal de Upanema.

CAPA+89.jpg (661×871)                         Entre os destaques temos uma matéria exclusiva onde membros da família do vice-prefeito Anísio Jr. relataram que já estavam rompidos com a atual administração e os demais também estariam se decidindo neste sentido. Os bastidores e maiores detalhes você confere nesta edição.

                       Destaque ainda para uma entrevista com o Padre Francinaldo Macário que nos conta como foi a viagem dos upanemenses até o Rio de Janeiro para participarem da Jornada Mundial da Juventude.
  
                             Temos ainda os tradicionais colunistas.

                              Está edição está imperdível. Adquira já a sua na Padaria Celina ou na Panificadora Dois Irmãos.

4 de agosto de 2013

60 anos deverá ter atrações regionais

Depois de muito se comentar da vinda de uma grande atração nacional como Fágner e Raça Negra para abrilhantar a festa dos 60 anos de Upanema, a Prefeitura deverá anunciar nas próximas semanas as bandas que irão fazer parte da festa. A expectativa era grande para as atrações, já que uma das desculpas esfarrapadas para a não realização do carnaval era que seria feita uma grande festa com grandes atraçõe nos 60 anos de Upanema. Mas, segundo informações, as atrações serão o cantor/piloto de avião Waldonys e a banda Solteirões do Forró. Parece que o dinheiro economizado com o carnaval ainda não vai ser gasto com a festa de emancipação. Deve tá correndo um juro danado esse dinheiro economizado.

3 de agosto de 2013

BR poderá ficar incompleta

Como sabemos, conseguir uma informação oficial da empresa Delta sobre a obra da BR-110, é quase impossível. Por isso, uma dúvida está me deixando intrigado. O trecho de aproximadamente 10 km que já era asfaltado vai continuar do jeito que está? Ou seja, sem acostamento e com largura inferior a que foi executada agora?

Procurei saber de um funcionário da empresa, que nos disse que tinha ouvido um engenheiro dizer que não estava no orçamento essa modificação. Peraí! A licitação foi pra construir quantos quilômetros mesmo?

Essas são dúvidas que poderiam muito bem ser esclarecidas pela empresa, mas pelo jeito vamos ter que esperar até o fim da obra para ver se vão fazer o serviço.


Fim de aposentadoria como penalidade para juízes deve voltar à pauta do Senado

Na próxima semana, com o fim do recesso branco, senadores devem retomar os debates sobre o fim da aposentadoria compulsória de juízes afastados por crimes de corrupção. A medida prevista na proposta de emenda à Constituição (PEC) 53/2011 divide posições no Congresso e levou um grupo de magistrados a tentar um acordo com os parlamentares. A mobilização fez com que a PEC fosse retirada de pauta no último dia 11 por um pedido de vista da Mesa Diretora.
Os autores da proposta, entre eles o senador Humberto Costa (PT-PE), criticam as brechas deixadas pela atual legislação que permite que juízes que cometeram falhas graves sejam punidos com a aposentadoria, recebendo integralmente os benefícios. De acordo com esse grupo de parlamentares, a punição se transforma em um prêmio.
O relator da proposta, senador Blairo Maggi (PR-MT), reconheceu a necessidade de aperfeiçoar o regime disciplinar aplicado tanto aos magistrados quanto aos membros do Ministério Público. Maggi também é relator de outra proposta que prevê possibilidades de aplicação de penas de demissão e cassação de aposentadoria de promotores e procuradores. Para o relator, as duas matérias deveriam estar incluídas em um mesmo texto que trataria tanto de penalidades de juízes quanto de membros do Ministério Público.

2 de agosto de 2013

Cala boca Galvão

Assistindo ao jogo, quer dizer, pelada do Barcelona contra um time de branco, prestei atenção numa situação engraçada. Quando o jogo já tava 7x0 o narrador Galvão Bueno dizia em tom de lamentação: é triste ver o Santos perder de 7x0. Segundos depois, a bola vai pra Neymar, aí Galvão muda o tom e diz: vai Neymar, pra cima deles Neymar. Cala a boca Galvão!